O estilo de Keira Knightley

Keira Knightley tem apenas 30 anos, mas já tem uma carreira bem delineada. Keira Knightley é uma atriz britânica que escolhe bem os filmes em que marca presença. Com um estilo mais conservador típico das suas origens, Keira é normalmente escolhida para papéis de época. Vestidos Compridos típicos de uma dama, a atriz está sempre bem apresentada, e normalmente a sua personagem pertence à nobreza. Vamos relembrar o estilo da atriz pelos seus filmes.

Keira Knightley tem apenas 30 anos, mas já tem uma carreira bem delineada. Keira Knightley é uma atriz britânica que escolhe bem os filmes em que marca presença. Com um estilo mais conservador típico das suas origens, Keira é normalmente escolhida para papéis de época. Vestidos Compridos típicos de uma dama, a atriz está sempre bem apresentada, e normalmente a sua personagem pertence à nobreza. Vamos relembrar o estilo da atriz pelos seus filmes.

Continuar a ler “O estilo de Keira Knightley”

O estilo de Helena Bonham Carter

Com um estilo único a atriz britânica Helena Bonham Carter é conhecida por todos nós por interpretar as mais variadas personagens. E os seus papéis escolhidos a dedo, transparecem a sua personalidade. Tal como o estilo utilizado. Nos seus filmes, normalmente apresenta-se com o cabelo desgrenhado e roupas escuras com estilo gótico (a única exceção talvez tenha sido quando foi a fada madrinha na Cnderela). Ora vamos recordar alguns dos principais filmes da atriz

Com um estilo único a atriz britânica Helena Bonham Carter é conhecida por todos nós por interpretar as mais variadas personagens. E os seus papéis escolhidos a dedo, transparecem a sua personalidade. Tal como o estilo utilizado. Nos seus filmes, normalmente apresenta-se com o cabelo desgrenhado e roupas escuras com estilo gótico (a única exceção talvez tenha sido quando foi a fada madrinha na Cnderela). Ora vamos recordar alguns dos principais filmes da atriz.

Continuar a ler “O estilo de Helena Bonham Carter”

[TAG] Viciada em Séries

O beautifuldreams foi nomeado pelo blogue Pepita Mágica para responder a uma Tag sobre as séries favoritas. Obrigado Pepita Mágica! E claro que vou responder. Para continuar o legado, nomeio os blogues:

Os Filmes de Frederico Daniel

Where are my popcorns?

Folha em Branco

Se for do interesse de mais blogues responderem, estejam à vontade. As regras são: as perguntas devem ser todas respondidas e tem de nomear participantes (a quantidade fica à escolha de cada um). Vamos lá então.

1) Qual a tua série favorita?

Começa logo com uma pergunta difícil. Há várias séries que adoro, dependendo da altura que as vejo vou escolhendo as minhas favoritas. Atualmente das séries que ainda estão a ser transmitidas a minha favorita é Sherlock, pena é ter de esperar tanto tempo de temporada em temporada. Quanto à série que mais me marcou e que nunca importo de rever é Roswell. Sempre tive um clique com esta série que não consigo explicar, mistura ação, comédia e drama. E eu ainda hoje gosto muito.

tumblr_nklx62Cnrr1qbnneko5_250

2) Qual a série que recomendarias a qualquer pessoa?

Nesta pergunta não posso deixar de ir para os clássicos, como F.R.I.E.N.D.S. e Seinfeld.  Séries que nos fazem rir do princípio ao fim, são verdadeiros remédios para a má disposição. Mas para quem preferir uma série de ação aconselho Prison Break.

tumblr_nh5qtzLDOn1t0vbemo1_500

3) Qual a série com melhor figurino?

Para o melhor figurino numa série centro-me principalmente em séries de época. É o caso de Os Borgia e os Os Tudors. As roupas e ornamentações medievais fascinam-me.

tumblr_mfei69fqvo1qiyullo2_500
tumblr_muwzovzzlb1rnzp88o1_500

4) Qual foi a última série que viste?

A última série que vi foi a primeira temporada de Night Shift, terminei-a ontem.

tumblr_nazbvdcuSH1qcxymno3_250

5) Já ficaste triste com o final de alguma série?

Neste momento as séries que estou a assistir tem um tempo longo de vida, e quando terminam já estão demasiado exploradas a nível de história. Por isso ainda não tive um desgosto de série. No entanto não gostei de todo que Os Borgia tivessem o seu fim sem devidamente mostrar o desfecho de cada personagem.

tumblr_mnzmxp2C1w1rusiffo1_500

6) Que personagem gostavas de ser?

Não me recordo de nenhuma que gostaria de ser. Mas provavelmente uma com poderes especiais.

7) Que série tens vontade de ver?

A lista das séries que atualmente tenho vontade de ver é imensa. E todos os dias a crescer. Mas falando de exemplos é o caso de Daredevil, Arrow, Flash, House of Cards...

tumblr_n227pcT44z1tu59h3o1_500

8) Que série não tens vontade de ver?

Esta pergunta não corresponde à minha realidade. Eu sou uma pessoa que gosta de ver para depois ter uma opinião formada sobre o assunto.

9) Já viste alguma série só porque sim? Se sim, qual?

Sim, já aconteceu. Ao fazer zapping na televisão já assisti a episódios só porque sim. Neste momento estou-me a lembrar da série A Teoria do Big Bang, não sigo a série, mas de vez em quando lá vejo um episódio.

tumblr_nhcu0g9Co61qlzxbgo1_500

10) Pense em alguém. Diz quem é e que série gostam de ver juntos?

Normalmente costumo ver as séries sozinha, quando tenho um tempo livre, que calha sempre à noite. Mas por vezes tenho companhia, o meu namorado. Normalmente seguimos séries que já terminaram ou então, estão demasiado avançadas, porque gostamos de ver tudo seguido. Neste momento estou a lembrar-me da série Sherlock, que ambos adoramos.

tumblr_njadhz8NqL1rxylboo1_500

O que ando a ler: A culpa é das estrelas

Um dos filmes dramáticos do ano de 2014, podem ler a crítica aqui, “A Culpa é das Estrelas” foi adaptado do best-seller com o mesmo nome do escritor John Green. Como sou fã destas histórias de amor jovens com um enredo trágico, tive que ler o livro e logo de seguida ver o filme.


Um dos filmes dramáticos do ano de 2014, podem ler a crítica aqui, “A Culpa é das Estrelas” foi adaptado do best-seller com o mesmo nome do escritor John Green. Como sou fã destas histórias de amor jovens com um enredo trágico, tive que ler o livro e logo de seguida ver o filme. Aproveitei um bom desconto na Feira do livro e comprei-o. Li-o depressa, apresenta-se como uma leitura simples e fácil. Com apenas o necessário, nada de descrições absolutas. Como seria de esperar. Afinal estamos a falar de um público-alvo mais jovem. Confesso que não estava à espera de me surpreender com o enredo, mas surpreendi-me. Não vou contar. Mas posso dizer que chorei (interiormente, pois dificilmente me comovo a ler, sou mais uma pessoa de imagens). Achei triste, achei emocionante, achei injusto. “You gave me a forever within the numbered days, and I’m grateful”, são frases como esta que me deixam destroçada. Com um diálogo completamente arrojado, onde a filosofia é vista como brincadeira de crianças, em que dois jovens tinham viver o melhor que podem com o que podem desfiando e ironizando a vida. Nicholas Sparks encontrou em John Green um rival de romances. Sobre o filme achei-o inferior à qualidade do livro. Na película apenas situações mais superficiais são evidentes e deixam muitas questões desconectadas da história. Por outro lado o livro mostra mais sentimento e o ponto de vista das personagens é mais definido. Essa é das grandes vantagens de ler. Mas prometo que em breve será colocada aqui a crítica da Culpa é das Estrelas, mas do filme. 

O que ando a ler: Guerra dos Tronos


Para quem me conhece bem, sabe que sou uma fã da série “Guerra dos Tronos”. O que começou em 2011 com a série televisiva, prolongou-se para os livros. O meu objetivo era conseguir ler os livros, antes da série avançar. A minha curiosidade falava mais alto. Mas não consegui, devido ao meu tempo e orçamentos limitados, tal não foi cumprido. Mas não é por isso que deixei de fazer a coleção. Gosto da forma como o escritor, George R.R. Martin faz-nos gostar de uma personagem e depois a destrói completamente sem qualquer explicação. Gosto da sua ousadia e coragem. Num momento tudo está bem,  mas logo a seguir está tudo num caos. O Sr. Martin é um verdadeiro destruidor de sonhos e muito imprevisível. Tudo isto para referir que já estou no quatro livro “O Despertar da Magia“. Nesta obra de fantasia que “prende” o leitor do início ao fim, conhecemos personagens carismáticas, cada uma com a sua própria história. Quanto à série não perco um episódio (e já está a chegar a quinta temporada!), a meu ver é das melhores adaptações do original, apesar de ultimamente estar a mudar muito (ler aqui). No entanto aconselho a leitura, para os fãs e não só, porque existe mais pormenor, compreendemos melhor o lado das personagens e algumas situações diferem dos livros para a série. Tenho imensa curiosidade para saber como esta obra vai terminar.

E então os vestidos?

É claro que vou falar dos vestidos utilizados na 87ª edição dos Oscars, que todos os anos premeiam o que melhor se realizou no cinema. Além dos vencedores a indumentária pode dar muito que falar, todos os olhos estão postos na Passadeira Vermelha e os críticos estão atentos. As grandes casas das marcas de roupa e jóias não perdem tempo a criar tendências para este dia, que também é uma boa forma de publicidade. As meninas gastam milhares em tratamentos de pele, maquilhagem e cabelos (além da roupa), para o grande dia. Ora fica aqui alguns modelos utilizados nos Oscars de 2015.

oscars 2015

Emma Stone em Elie Saab | Lupita Nyong’o em Calvin Klein | Dakota Johnson em Saint Laurent

rs_560x415-150222172711-1024-best-dresses-oscars.ls_.22215_copy

Jennifer Aniston em Versace | Jennifer Lopez em Elie Saab | Rosamund Pike em Givenchy | Zoe Saldana em Versace | Gwyneth Paltrow em Ralph & Russo

rs_560x415-150222181335-1024-worst-dressed-oscars_copy

Rita Ora em Marchesa | Nicole Kidman em Louis Vuitton | Scarlett Johansson em Versace | Marion Cotillard em Dior Haute Couture | Margot Robbie em Saint Laurent

Oscars-2015-best-dressed

Julianne Moore em Chanel | Reese Witherspoon em Tom Ford | Anna Kendrick em Thakoon