Crítica

Crítica: Hércules

hercules 1

Título: Hercules

Ano: 2014

Realização: Brett Ratner

Interpretes: Dwayne Johnson, Irina Shayk, Rebecca Ferguson

Sinopse: Simultaneamente homem e mito, Hércules lidera um grupo de mercenários que tentam ajudar a pôr fim a uma sangrenta guerra civil na Trácia e a devolver o trono ao rei legítimo. Uma alma atormentada desde que nasceu, Hércules tem a força de um Deus mas sofre como um ser humano. Vilões inimagináveis testarão o mítico poder de Hércules, nesta corajosa abordagem do realizador Brett Ratner a um dos heróis de ação mais épicos de todos os tempos. (Fonte: Sapo Mag)

HERCULES

Tinha outra ideia sobre como seria este filme, contudo gostei do facto de haver uma renovação na história do mítico Hércules. A história deste herói grego sempre me fascinou, aliás toda a mitologia envolvida me fascina. Desde que a Disney lançou o filme Hércules, ainda mais a minha curiosidade aumentou. Depois da terrível desilusão do filme Hercules – A Lenda Começa que tive receio de ver este filme, estreado na mesma época. Bem apesar de também este filme ser fraquinho, não vejo o The Rock com cara de deus grego. Estava à espera que fosse explicado como Hércules ultrapassou os 12 trabalhos, mas afinal a sua história era uma fraude. Por outro lado achei interessante o facto desta personagem ter um grupo de mercenários a seu lado, cada um com uma personalidade diferente: uma rapariga amazona, um sobrinho falador, um forte guerreiro que não falava, um braço direito na batalha e um amigo vidente.

hercules 3

Além da ação à época inerente, este filme também propõe momentos de comédia. O cenários estão bem elaborados como seria de esperar e a presença de Dwayne Johnson é notória, consegue comandar bem o filme em momentos de batalha, mas quando relembrar o seu dramático passado, não consegue comover, mostrando um olhar de tristeza muito forçado. A  modelo Irina Shayk (ex-namorada de Cristinao Ronaldo e atual namorada de Bradley Cooper) diz apenas uma frase e desaparece, que na minha opinião este pareceu-me um papel comprado. Admirei o mistério no segredo de Hércules e que apenas no filme a verdade é revelada. Concluindo este é um filme de domingo à tarde, que não trás nada de novo. O blogue atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2

Anúncios

1 thought on “Crítica: Hércules”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s