Quem não se lembra?

Crítica: Heidi

movie_32369

Heidi é um filme de 1937, realizado por Allan Dwan, e como principais participações temos: Shirley Temple, Jean Hersholt, Arthur Treacher. Sinopse: Heidi é uma menina de 5 anos orfã, que a sua tia Dete sem mais possibilidades de cuidar da menina, leva-a para os Alpes onde em cima da montanha mora o seu avô e único membro da família. Apesar de o velho ser um resmungão que não gosta de pessoas «, evitando-as a todo o custo, Heidi vai amolecer o coração do avô e torna-lo uma pessoa querida. No entanto não é por muito tempo…

A história de Heidi marcou a infância de toda a gente, quem não conhece a menina dos Alpes? Baseada na história da escritora suiça Johanna Spyri de 1880, já marcou gerações, e ainda continua a marcar. Desde desenhos animados, a filmes, banda desenhada, o franchise da Heidi já passou por tudo, até a Disney realizou filmes da pequena menina. Deslumbrados com a inocência de Heidi e da sua natureza de perguntadora e curiosa, que faz com que seja uma personagem querida. Mas quem de nós também já não desejou viver nem que seja por um período de tempo nos fantásticos Alpes com paisagens de cortar a respiração, onde os animais, e humanos vivem em conjunto com a natureza, talvez foi por isso que Heidi não gostou de viver na cidade, no entanto a sua maneira especial de ser conquistou todos em seu redor.

9. Marcia y Shirley

Shirley Temple a protagonista do filme sempre foi a menina querida de Hollywood, ainda em criança ganhou um Oscar e Shriley apesar da sua tenra idade era vista como a “salvadora da Grande Depressão Americana” devido ao seu sorriso contagiante e fácil Shirley entreteu os americanos com os seus filmes ternurentos, fazendo-os esquecer da difícil realidade em que viviam. Em “Heidi” não é excepção, a pequena Shirley cheia de energia é uma excelente atriz mesmo para a sua idade. O filme conta toda a história de Heidi de forma breve, mas com um final alternativo ao do livro. Sendo que neste filme explora mais o facto da saudade e amor entre Heidi e o avô, deixando de parte a amizade com Clara, Pedro e as asneiras com a Fräulein Rottenmeier. No entanto este clássico está bem realizado, e a apesar da sua idade ainda é um filme que merece ser visto. Ás vezes sabe bem assistir a filmes preto e branco. O blog atribui 3 estrelas em 5.

golden_star2golden_star2golden_star2

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s